Equitas Resources Corp. inicia as sondagens e aberturas de trincheiras em Cajueiro


May 26th, 2016

Equitas Resources Corp. inicia as sondagens e aberturas de trincheiras em Cajueiro

Vancouver, British Columbia, 26 de Maio de 2016 - Equitas Resources Corp. (“Equitas” ou a “Empresa”) (TSXV: EQT) (US: EQTRF) (Frankfurt: T6UN) tem o prazer de anunciar que as sondagens do Projeto Cajueiro já começaram na Zona de Baldo, propriedade da empresa na área central do Brasil.


O programa de exploração está na sua primeira fase de um extenso cronograma para 2016 do Projeto Cajueiro e está focada na identificação de recursos adicionais de ouro nos depósitos de óxido de saprólito próximo da superfície ao longo de um corredor estrutural mineralizado altamente prospectivo. O programa foi projetado para aumentar os recursos em Cajuiero e fornecer informações adicionais para apoiar o desenvolvimento a céu aberto.

Resumo do Programa de Exploração

O programa de exploração será composto de 20 HQ sondagens diamantandas, totalizando 1600m e 700m de trincheiras em uma área de 650m de comprimento em direção ao corpo do mineral na Zona Baldo. As sondagens começaram no dia 11 de Maio pela Layne do Brasil Sondagens Ltda. Duas plataformas montadas sobre os trilhos, sendo uma modelo CS -1000\10 e outra CS-1500, iniciaram suas operações no ultimo dia 20 de Maio com previsão de serem concluídas dentro de um mês.

Potencial de Atualização dos Recursos

A Zona Baldo possui atualmente um Recurso Inferido de 309.000 toneladas com teor de 3,029

g/t Au (Gustavson, 2016) em saprólito oxidado. Os resultados de exploração anteriores revelam um forte potencial para o melhoramento desses recursos.

O programa 2016 exploração foi projetado para seguir os resultados de amostragem previamente reportados, que incluem teores de 5,77 g/t Au (RR1BDO, Figura 2) e 87,2 g/t Au

(RCF1BDO, Figura 2) obtidos a partir de duas amostras de 1 tonelada de saprólito oxidado ao longo do corredor alvo. O único furo concluído até agora sobre esta estrutura tem como alvo o extremo sudoeste apontando um intervalo de 29.85m de profundidade com teor de 1,48 g/t Au (DDH-055, Figura 2). Em geral, o componente de saprólito oxidado da mineralização contém enriquecimento significativo em teores de ouro em comparação com os depósitos de sulfeto.

As amostras de superfície da Zona Baldo mostraram valores significativos de ouro onde 34 amostras de mãos do saprólitos apontaram teores entre 0,01 g/t Au e 118,47 g/t Au e 20 amostras com valores > 0,5 g/t Au. Um média, para as 34 amostras, de 14,67 g/t Au. Além disso, uma amostra de 100 kg de saprólito, tiradas a partir do sul da área alvo de Baldo para o teste metalúrgico, produziu um teor de 8,9 g/t Au (Met Teste , Figura 2 ).

Os resultados em Baldo até agora ressaltam o potencial de delimitação de significativos materiais passíveis de alto valor para os métodos de mineração a céu aberto. O saprólito oxidado pode ser extraído sem a necessidade de perfuração e detonação, resultando em operações de mineração de custo muito baixo.

Resultados dos trabalhos realizados anteriormente na Figura 2 abaixo:


Descrição do programa de sondagens e abertura de trincheiras desenhado para avaliar 650m de comprimento do corredor estrutural mineralizado. Figura 3 abaixo:


Projeto Cajueiro

O Projeto Cajueiro está localizado na região Central do Brasil entre os estados do Mato e Pará. O Projeto abrange uma área de 39,053 hectares e está a 95 km ao norte da cidade de Alta Floresta.

O Relatório Técnico NI 43-101 sobre os Recursos (Gustavson, 2016) em Cajueiro documenta um Recurso Mineral Indicado de 8.636 milhões de toneladas contendo 214,100 onças de ouro com teor 0,771 g/t (depósito de sulfeto); um recurso Mineral Inferido de 9.526 milhões de toneladas contendo 203,500 onças de ouro com teor 0,664 g/t (depósito de sulfeto) e um Recurso Miineral Inferido de 1.374 milhões de toneladas contendo 78.400 onças de ouro com teor 1.775 g/t (depósito de óxido de saprólito óxido).

Divulgação NI 43-101

Everett Makela, P. Geo., Vice-Presidente de Exploração da Equitas Resources Corp., de acordo com a National Instrument 43-101, é uma pessoa qualificada e supervisionou a preparação das informações técnicas deste comunicado à imprensa.

Para mais informações sobre Equitas Resources Corp., por favor, entrar em contato com Sean Kingsley, Comunicações Corporativas através do telefone +1604-681-1568 ou skingsley@equitasresources.com.

Em nome do Conselho de Administração,
EQUITAS RESOURCES CORP.

Chris Harris
Chris Harris
President & CEO

Tel: +1 604-681-1568

info@equitasresources.com

Tanto a TSX Venture Exchange quanto o seu Provedor de Serviços Regulatórios (Como é definido nas políticas da TSX Venture Exchange) não aceitam a responsabilidade pela adequação ou precisão deste comunicado.

Declarações Prospectivas

Este comunicado à imprensa contém declarações prospectivas relativas às futuras operações da empresa e outras declarações que não sejam fatos históricos. As declarações prospectivas são frequentemente identificadas por termos tais como "irão”, "podem", "deveriam", "antecipam", "esperam" e/ou expressões semelhantes. Todas as outras declarações incluídas neste comunicado, que não constituem fatos históricos, incluindo, sem limitações, declarações relativas ao planejamento futuro sobre despesas de exploração, custos dos programas e expectativas de recursos adicionais para a área de Baldo, são declarações prospectivas que envolvem riscos e incertezas. Não há garantia de que tais declarações venham a revelar resultados reais e/ou precisos. Portanto, eventos futuros podem diferir materialmente daqueles antecipados em tais declarações.

O leitor está sendo alertado de que as referências aos recursos minerais que não sejam reservas minerais, não demonstram viabilidade economica e os pressupostos utilizados na preparação de qualquer informação prospectiva poderão se revelar como incorreta. Eventos ou circunstâncias podem causar resultados reais que difiram materialmente daqueles previstos, como resultado de inúmeros riscos conhecidos e desconhecidos, incertezas e outros fatores, muitos dos quais estão além do controle da empresa.

O leitor está sendo alertado para não depositar confiança indevida em qualquer informação prospectiva. Embora as informações sejam consideradas razoáveis pela administração no momento da preparação, ainda pode revelar resultados incorretos e os resultados reais podem diferir materialmente daqueles antecipados. As declarações prospectivas contidas neste comunicado de imprensa são expressamente qualificadas por esta declaração cautelar. As declarações prospectivas contidas neste comunicado à imprensa são feitas a partir da data deste comunicado de imprensa e a Companhia atualizará ou revisará publicamente qualquer declarações prospectivas incluídas, conforme expressamente exigido pela lei de valores mobiliários Canadense.

.