Equitas Resources Corp. finaliza o processo de aquisição da empresa Alta Floresta Gold Ltd. e obtém 100% de participação nos ativos da empresa no Brasil.


April 27th, 2016

Vancouver, British Columbia, 27 de Abril de 2016 - Equitas Resources Corp. (TSXV: EQT) (US:EQTRF) (Frankfurt: T6UN) anuncia que a decisão final da TSX Venture (Bolsa de Valores de Toronto, Canadá) onde foi aprovado o processo de aquisição da empresa Alta Floresta Gold Ltd, conforme acordo anunciado em 15 de Janeiro de 2016. Além disso, a empresa Alta Floresta Gold também aumentou sua participação de 60% para 100% nas operaçãoes no Brasil.

A empresa Equitas detém indiretamente, através da Alta Floresta Gold uma participação de 100% em 6 propriedades de ouro com 4 licenças de produção e mais de 184.410 hectares de propriedades rurais em Mato Grosso e Pará. O projeto Cajueiro abrange uma área de 39.053 hectares e está localizado a 95 quilômetros ao norte da cidade de Alta Floresta, onde será o local da base de operações da empresa no Brasil.

Alta Floresta Gold obteve sucesso em aumentar sua participação acionária na sua subsidiária operacional brasileira, Alta Floresta Gold Mineração S.A., aumentando de 60% para 100% de participação, adquirindo a participação minoritária da empresa ECI Exploration & Mining Ltd..

O foco imediato para Equitas será aumentar a produção atual de ouro no Projeto Cajuiero e identificar recursos adicionais nas áreas mineralizadas conhecidas. Atualmente a empresa Alta Floresta Gold está realizando a produção e lavagem em pequena escala de aluvião mineralizado e saprólito. Como parte do plano de expansão, a empresa Canadense pretende contruir uma pequena planta de separação por gravidade localizado próxima da área do Projeto Cajueiro.

Um programa de exploração está sendo planejado com a intenção de definir e expandir ainda mais os recursos do Projeto. Espera-se que o programa seja composto de grandes quantidades de amostragem, abertura de valas, perfurações com brocas de diamantes e perfurações de ar comprimido (RAB).

De acordo com a transação, a Equitas emitiu 103.653.283 ações ordinárias aos antigos acionistas da Alta Floresta Gold e 5.282.324 opções de ações aos antigos detentores de opções da Alta Floresta Gold exercíveis por um período de três anos a um preço de US$0,15 por ação. Todos os títulos emitidos referente a transação estão sujeitos a um período de espera de quatro meses.

Abaixo estão os nomes da nova equipe de Diretores, Vice Presidentes , Presidentes e CEOs da Equitas.

Kyler Hardy como Diretor Presidente -16 anos de experiência no setor de recursos como empresário, executivo e com histórico de sucesso nas fases iniciais de construcão de empresas. Experiência na operação de projetos de exploração remotas e complexos sistema de logística.

Chris Harris como Presidente e CEO - 30 anos de Experiência em energia, comércio de mercadorias e finanças na área de mineração (Ernst & Young, CIBC, Enron Reino Unido, BHP Billiton, GMI Resources UK). Diretor dos principais investimentos.

Alan Carter como Diretor - 30 anos de Experiência na exploração de minerais (Rio Tinto, BHP Billiton, ECI). Fundador e CEO da Magellan Minerals. Diretor da Cuprum Resources e Peregrine Diamonds.

David Hodge como Diretor - Ampla experiência em gestão e financiamento de empresas de capital aberto. Presidente da Zimtu Capital, uma empresa focada no setor de exploração de minérios através da geração de perspectiva e da empresa de criação / construção. Está envolvido com a criação de mais de US$ 250 milhões para empresas de recursos públicos.

Everett Makela como Vice Presidente de Exploração - Mais de 30 anos de experiência na área deexploração como Geólogo. Iniciou sua carreira na INCO & Vale como Assistente e se aposentou como principal Geólogo na Vale América do Norte. Possui ampla experiência com joint ventures e estabelecimento de parcerias.

Mike Bennett como Diretor da Alta Floresta Mineração - 30 anos de experiência na área de exploração, sendo 23 na América do Sul. Vice Presidente de Exploração naECI desde 2009. Três descobertas de ouro: Brasil - Coringa & Cajueiro e na Bolívia - Puquio Norte.

Richard Crew como Consultor de Alta Floresta Mineração (Operações) - 30 anos de experiência em mineração como Gerente de Operações e Diretor de Operações para inúmeras empresas e projetos em todo o mundo. Excelente conhecimento do setor de mineração internacional e desenvolvimentos técnicos. Fluente em Inglês e Português.

Elvis Alves como Gerente de Projetos e Exploração e Geólogo na Alta Floresta Mineração (Operações) – Experiente Geólogo de campo, possui conhecimento da área do Projeto e é focado na exploração de minerais e mineração.

Equitas agradece ao Sr. Raymond Goldie, o Sr. Qianjie Wang e o Sr. Tim Fernback pelo seu trabalho no Conselho de Administração da Equitas e deseja successo em seus futuros empreendimentos.

Para mais informações sobre Equitas Resources Corp., por favor, entrar em contato com Sean Kingsley, Comunicações Corporativas através do telefone +1604-681-1568 ou skingsley@equitasresources.com.

Em nome do Conselho de Administração,
EQUITAS RESOURCES CORP.

“Chris Harris”
Chris Harris
President & CEO

Tel: +1 604-681-1568

info@equitasresources.com

Tanto a TSX Venture Exchange quanto o seu Provedor de Serviços Regulatórios (Como é definido nas políticas da TSX Venture Exchange) não aceitam a responsabilidade pela adequação ou precisão deste comunicado.

Declarações Prospectivas

Algumas das afirmações e informações neste comunicado de imprensa constituem “declarações prospectivas” ou “informações prospectivas”. Quaisquer declarações ou informações que expressam ou envolvem discussões a respeito às previsões, expectativas, convicções, planos, projeções, objetivos, suposições, eventos futuros ou desempenho (Muitas vezes, mas não sempre, usando palavras ou frases tais como “espera”, “antecipa”, “acredita”, “planeja”, “estima”, “pretende”, “objetiva”, “metas”, ” previsões “,” objectivos “,” potencial “ou suas variações, afirmando que certas ações, eventos ou resultados” podem “,” poderiam “,” iriam “,” talvez “ou” irão “ser tomados, ocorrer ou ser alcançados, ou o negativo de qualquer um destes termos e expressões similares) não são declarações de fatos históricos e podem ser declarações ou informações prospectivas. Declarações ou informações prospectivas referem-se para o foco da Companhia em aumentar a produção de ouro no Projeto Cajueiro, na identificação de recursos adicionais, nos planos de expansão do Projeto Cajueiro e nos planos de exploração. Declarações ou informações prospectivas estão sujeitas a diversos riscos conhecidos e desconhecidos, assim como incertezas e outros fatores que podem causar eventos ou resultados reais que sejam diferentes daqueles refletidos nas declarações ou informações prospectivas. Isso inclui, sem limitação, a necessidade de capital adicional pela Companhia através de financiamentos e o risco de que tais fundos não sejam disponibilizados; da natureza especulativa de exploração e das fases de obtenção de licencas de exploração da Companhia; do efeito das alterações nos preços das commodities; dos riscos regulatórios onde algumas licencas podem não serem aceitáveis por razões sociais, ambientais ou outros motivos; da disponibilidade de equipamentos, incluindo brocas e mão de obra especializada para realizar programas de trabalhos.

Para que cada etapa do trabalho seja concluída dentro dos prazos previstos e os modelos e interpretações geológicas atuais se confirmem, os programas de trabalho em curso podem sofrer alguma alteração de prioridades de exploração, assim como os esforços e habilidades da equipe de gerenciamento. Esta lista não é exaustiva dos fatores que podem afetar qualquer uma das declarações e informações prospectivas da Companhia. Estes e outros fatores podem causar a necessidade da empresa de fazer algumas alterações em seus programas de exploração e de trabalho, assim como interromper, alterar o tempo ou a ordem dos programas de trabalho previstos. Embora a Companhia tenha tentado identificar os fatores importantes que podem causar resultados reais diferentes do material, ainda pode ocorrer outros fatores que causam resultados a não ser como antecipado, estimado, descrito ou que se destinem. Sendo assim, os leitores não devem depositar confiança indevida em declarações ou informações prospectivas. As declarações e informações prospectivas da Companhia baseiam-se nas hipóteses, crenças, expectativas e opiniões da administração na data deste comunicado de imprensa. A não ser que seja conforme exigido pelas leis de valores mobiliários aplicáveis, a empresa reserva o direito de não assumir a obrigação de atualizar as expectativas das declarações de aparência e informações se as circunstâncias, hipóteses, crenças, expectativas ou opiniões que, de alguma forma mudarem.

.